Destaques$type=grid$count=19$cate=0$sn=0$rm=0$meta=0$icon=1$show=home

Japão teve mais mortes por suicídio em outubro do que por Covid-19 em todo o ano

Japão teve mais mortes por suicídio em outubro do que por Covid-19 em todo o ano

 

Japão teve mais mortes por suicídio em outubro do que por Covid-19 em todo o ano


Eriko Kobayashi tentou se matar quatro vezes.

Eriko Kobayashi lutou com sua saúde mental no passado. Ela diz que a pandemia trouxe de volta o medo intenso de cair na pobreza.

Na primeira vez, tinha apenas 22 anos e um emprego em tempo integral no setor editorial que não pagava o suficiente para cobrir seu aluguel e contas de supermercado em Tóquio. “Eu era muito pobre”, contou Kobayashi, que passou três dias inconsciente no hospital após o incidente.

Com 43 anos hoje, Kobayashi escreveu livros sobre suas lutas pela saúde mental e tem um emprego estável em uma ONG. Mas o coronavírus está trazendo de volta o estresse que ela sentia.

“Meu salário foi cortado e não consigo ver a luz no fim do túnel”, contou. “Tenho uma sensação constante de crise de que posso voltar a cair na pobreza”.

Especialistas alertam que a pandemia pode levar a uma crise de saúde mental. Desemprego em massa, isolamento social e ansiedade estão afetando as pessoas em todo o mundo.

No Japão, estatísticas do governo mostram que o suicídio levou mais vidas somente no mês outubro do que a Covid-19 durante todo o ano até agora. O número mensal de suicídios no país subiu para 2.153 em outubro, de acordo com a Agência Nacional de Polícia do Japão. Na sexta-feira (27), o número total de óbitos por Covid-19 no Japão era de 2.087, de acordo com o Ministério da Saúde.

O Japão é uma das poucas economias importantes a divulgar dados regulares sobre suicídio. Os números nacionais mais recentes dos EUA, por exemplo, são de 2018. Os dados japoneses podem dar a outros países percepções sobre o impacto das medidas de pandemia na saúde mental e quais grupos são os mais vulneráveis.

“Nós nem tivemos um lockdown e o impacto da Covid-19 é mínimo em comparação com outros países, mas ainda assim temos esse grande aumento no número de suicídios”, afirmou Michiko Ueda, professora associada da Universidade Waseda em Tóquio e especialista em suicídios.

“Isso sugere que outros países podem ver um aumento semelhante ou ainda maior no número de suicídios no futuro”.

O impacto do coronavírus nas mulheres

O Japão luta há muito tempo com uma das maiores taxas de suicídio do mundo, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Em 2016, o país teve uma taxa de mortalidade por suicídio de 18,5 por 100 mil pessoas, perdendo apenas para a Coreia do Sul entre os países da Ásia-Pacífico e com quase o triplo da média global anual de 10,6 por 100 mil pessoas.

Embora as razões para a alta taxa de suicídio no Japão sejam complexas, longas horas de trabalho, pressão escolar, isolamento social e um estigma cultural em torno de questões de saúde mental foram citados como fatores contribuintes.

Entretanto, nos 10 anos que antecederam 2019, o número de suicídios estava diminuindo no Japão, caindo para cerca de 20 mil no ano passado, de acordo com o Ministério da Saúde, o menor número desde que as autoridades de saúde do país começaram a manter registros em 1978.

A pandemia parece ter revertido essa tendência, e o aumento dos suicídios afetou desproporcionalmente as mulheres. Embora representem uma porção menor do total de suicídios do que os homens, o número de mulheres que tiram as próprias vidas está aumentando. Em outubro, os suicídios de mulheres no Japão subiram quase 83% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Para efeito de comparação, entre os homens o aumento foi de quase 22% no mesmo período.

Existem várias razões potenciais para isso. As mulheres representam uma porcentagem maior de trabalhadores de meio período nos setores de hotelaria, serviços de alimentação e varejo, onde as demissões foram mais acentuadas. Kobayashi disse que muitas de suas amigas foram demitidas. “O Japão tem ignorado as mulheres”, contou. “Esta é uma sociedade onde as pessoas mais fracas são isoladas primeiro quando algo ruim acontece”.

Em um estudo global com mais de 10 mil pessoas, conduzido pela organização de ajuda internacional sem fins lucrativos CARE, 27% das mulheres relataram maiores desafios com a saúde mental durante a pandemia, em comparação com 10% dos homens.

Para piorar ainda mais as preocupações com a renda, as mulheres têm lidado com o aumento vertiginoso da carga de cuidados não remunerados, de acordo com o estudo. Enquanto isso, aquelas que mantêm seus empregos ainda precisam pensar nos filhos que ficaram sem escola ou creche, bem como suas obrigações normais de trabalho.

O aumento da ansiedade sobre a saúde e o bem-estar das crianças também sobrecarregou as mães durante a pandemia.

Akari, uma mulher de 35 anos que não quis revelar seu nome verdadeiro, disse que procurou ajuda profissional este ano quando seu filho prematuro ficou hospitalizado por seis semanas. “Fiquei muito preocupada, 24 horas por dia”, disse Akari. “Eu não tinha nenhum histórico de doença mental antes, mas o fato é que fique extremamente ansiosa o tempo todo”.

Seus sentimentos pioraram conforme a pandemia se intensificou e ela temia que seu filho pegasse Covid-19.

“Senti que não havia esperança, sempre pensei sobre o pior cenário possível”, contou.

“Um lugar para você"

Em março, Koki Ozora, um estudante universitário de 21 anos, abriu uma linha direta de saúde mental 24 horas chamada Anata no Ibasho (“Um lugar para você”). Segundo ele, a linha direta, uma organização sem fins lucrativos financiada por doações privadas, recebe uma média de mais de 200 ligações por dia, e que a grande maioria das pessoas que ligam são mulheres.

“Elas perderam o emprego e precisam criar os filhos, mas não têm dinheiro. E então tentaram o suicídio”.

A maioria das ligações ocorre durante a noite (das 22h às 4h). Os 600 voluntários da organização sem fins lucrativos vivem ao redor do mundo em diferentes fusos horários e estão acordados para atendê-las. Mas não há voluntários suficientes para acompanhar o volume de mensagens de texto também enviadas, disse Ozora.

O estudante universitário Koki Ozora abriu uma linha direta de saúde mental 24 horas com voluntários em março, recebendo hoje mais de 200 ligações por dia.

O grupo prioriza as mensagens mais urgentes, procurando palavras-chave como suicídio ou abuso sexual. Ozora explicou que eles respondem a 60% dos textos em cinco minutos, e os voluntários passam em média 40 minutos com cada pessoa.

Anonimamente, por meio de mensagens online, as pessoas compartilham suas lutas mais difíceis. Ao contrário da maioria das linhas diretas de saúde mental no Japão, que aceitam pedidos por telefone, Ozora diz que muitas pessoas (especialmente os mais jovens) se sentem mais à vontade para pedir ajuda por mensagem de texto.

Segundo ele, em abril as mensagens mais comuns eram de mães que estavam estressadas com as crianças, com algumas confessando pensamentos de matar seus próprios filhos. Hoje em dia, são comuns mensagens de mulheres sobre perdas de empregos e dificuldades financeiras, assim como aquelas relatando violência doméstica.

“Tenho recebido mensagens como ‘estou sendo estuprada pelo meu pai’ ou ‘meu marido tentou me matar’”, disse Ozora. “As mulheres enviam esse tipo de texto quase todos os dias. E está aumentando”. Ele acrescentou que o aumento nas mensagens se deve à pandemia. Antes, havia mais lugares para “fugir”, como escolas, escritórios ou casas de amigos.

Pressão sobre as crianças

O Japão é o único país do G-7 onde o suicídio é a principal forma de morte de jovens de 15 a 39 anos. Segundo o Ministério da Saúde, os suicídios entre menores de 20 anos aumentaram antes mesmo da Covid-19.

Conforme as restrições à pandemia tiram as crianças da escola e de situações sociais, elas estão lidando com abusos, vidas familiares estressantes e pressões por causa de atrasos nos deveres de casa, disse Ozora. Há crianças de apenas cinco anos que enviaram mensagens para a linha direta.

O fechamento de escolas durante a pandemia no primeiro semestre contribuiu para o acúmulo de tarefas escolares em casa. Outro fato é que as crianças também têm menos liberdade para ver os amigos, o que também gera estresse, de acordo com Naho Morisaki, do Centro Nacional de Saúde e Desenvolvimento Infantil. O centro recentemente conduziu uma pesquisa na internet com mais de 8.700 pais e filhos e descobriu que 75% dos alunos japoneses apresentavam sinais de estresse devido à pandemia.

Morisaki diz que acha que existe uma grande correlação entre a ansiedade das crianças e de seus pais. “As crianças que estão se automutilando têm estresse e não podem falar com a família porque provavelmente percebem que seus pais não são capazes de ouvi-los”

Estigma de resolver o problema

No Japão, ainda existe um estigma contra admitir a solidão e as dificuldades pessoais. Ozora disse que é comum mulheres e pais iniciarem a conversa com seu serviço com a frase: “Eu sei que é ruim pedir ajuda, mas posso conversar?”

A professora Ueda diz que a “vergonha” de falar sobre depressão muitas vezes impede as pessoas de tocar no tema.

“Não é algo que você fale em público, você não fala sobre isso com os amigos ou algo assim. E isso pode levar a um atraso na busca de ajuda, então temos um grande fator cultural potencial”.

Akari, a mãe do bebê prematuro, concorda. Ela já morou nos Estados Unidos, onde diz que parece mais fácil procurar ajuda. “Quando eu morava lá, conhecia pessoas que faziam terapia, e é algo até comum, mas no Japão é muito difícil”, contou.

Após a crise financeira da década de 1990, a taxa de suicídio no Japão atingiu um recorde em 2003, quando aproximadamente 34 mil pessoas tiraram suas próprias vidas. Especialistas falam que a vergonha e a ansiedade trazida pelas demissões, que atingia sobretudo homens na época, contribuíram para a depressão e aumentaram as taxas de suicídio. No início dos anos 2000, o governo japonês acelerou os investimentos e esforços em torno da prevenção do suicídio e apoio de sobreviventes, incluindo a aprovação da Lei Básica para Prevenção do Suicídio em 2006 para fornecer suporte às pessoas afetadas pelo problema.

Mesmo assim, tanto Ozora quanto Kobayashi dizem que não foi o suficiente: reduzir a taxa de suicídio exige que a sociedade japonesa mude.

“É vergonhoso para os outros saberem da sua fraqueza, então você esconde tudo, guarda dentro de si e segura as pontas”, disse Kobayashi. “Precisamos criar uma cultura em que seja normal mostrar suas fraquezas e tristezas”.

Suicídios de celebridades

Uma sucessão de celebridades japonesas tirou suas vidas nos últimos meses. Embora a mídia japonesa raramente dê detalhes de tais mortes (deliberadamente sem citar o método ou motivo), só o fato de ter reportagens sobre esses casos costuma causar um aumento no suicídio no público em geral, de acordo com especialistas como Ueda.

Hana Kimura, lutadora profissional de 22 anos e estrela do reality show “Terrace House”, se matou em julho depois que usuários de mídia social a bombardearam com mensagens de ódio. A mãe de Hana, Kyoko Kimura, diz estar ciente de que as notícias da mídia sobre a morte de sua filha podem ter afetado outras pessoas que estavam se sentindo suicidas.

Kyoko Kimura diz que as restrições ao coronavírus impediram sua filha, Hana, de lutar. Hana ficou sufocada com comentários negativos nas redes sociais e tirou a própria vida

“Quando Hana morreu, pedi repetidamente à polícia para não revelar qualquer situação concreta de sua morte, mas, ainda assim, vejo reportagens com informações que apenas a polícia sabia”, disse Kimura. “É uma dor que vive uma reação em cadeia”.

Kimura disse que a pandemia levou sua filha a passar mais tempo lendo mensagens tóxicas nas redes sociais, já que ela não conseguia lutar devido às restrições do coronavírus. Kimura está criando uma ONG chamada “Remember Hana” para aumentar a conscientização sobre o cyberbullying.

“Ela encontrou sua razão de viver lutando como lutadora profissional. Era uma parte importante dela. Ela estava em uma situação muito difícil, pois não conseguia lutar”, contou a mãe. “A pandemia de coronavírus tornou a sociedade mais sufocante”.

A terceira onda

Nas últimas semanas, o Japão relatou casos diários recordes de Covid-19, e os médicos alertam que uma terceira onda que pode se intensificar agora, nos meses de inverno. Os especialistas temem que a alta taxa de suicídio piore à medida que a crise econômica continua.

“Ainda não experimentamos todas as consequências econômicas da pandemia”, disse Ueda. “A pandemia em si pode piorar, então talvez haja um semi-lockdown novamente; se isso acontecer, o impacto pode ser enorme”.

Em comparação com algumas outras nações, as restrições ao coronavírus do Japão foram relativamente leves. O país declarou um estado de emergência mas nunca impôs um lockdown rígido, por exemplo, e suas restrições de quarentena para chegadas internacionais não foram tão inflexíveis quanto as da China.

Mas, à medida que os casos aumentam, alguns temem que medidas mais severas serão necessárias, e estão preocupados sobre como isso pode afetar a saúde mental.

“Nós nem tivemos um lockdown e o impacto da Covid-19 é mínimo em comparação com outros países, mas ainda vemos esse grande aumento no número de suicídios”, relatou Ueda, a professora associada da Universidade Waseda em Tóquio e especialista em suicídios. “Isso sugere que outros países podem ver um aumento semelhante ou ainda maior no número de suicídios no futuro”.

Apesar de ter que lidar com um corte de salário e constante insegurança financeira, Kobayashi conta que está controlando melhor sua ansiedade. Ela espera que, ao falar publicamente sobre seus medos, mais pessoas façam o mesmo e percebam que não estão sozinhas, antes que seja tarde demais.

“Eu me exponho publicamente dizendo que tenho um problema mental e sofro de depressão na esperança de que outras pessoas possam ser encorajadas a falar”, disse Kobayashi. “Tenho 43 anos e a vida começa a ficar mais divertida nessa etapa. Então, acho que é bom ainda estar viva”.

FONTE: CNN BRASIL

(post-ads)






COMENTE

Vamos Compartilhe isso?
TIKTOK
TIKTOK - COLOQUE NOSSO CODIGO J922931197

VEJA MAIS DESTAQUES$type=grid$count=19$cate=0$sn=0$rm=0$meta=0$icon=1$show=post

Baixar Hinos$type=slider$snippet=hide$cate=0$h=500$va=0$rm=0

Destaques$type=list$au=0$va=0$count=8

Nome

(Santa Ceia,1,#Grécia,1,#terremoto,1,001 a 480 Hinos​,1,A descida do Espírito Santo,1,a Deus devemos,1,A Minha Alma Deseja Ver-te,1,A minha alma quer contemplar-Te,1,A mocidade cantando no metrô em outro País,1,ABENSOADO,1,Aberturas,2,Abrigado em Jesus,1,Acidentes,19,Agendas CCB,4,Alto Garças,1,Americana,1,Ana Spina,1,Ancião da cidade de Igarapava,1,ancião ermelindo,1,Ancião na Itália,2,Anderson,1,Andre Rieu,1,ANJO,1,Anna Spina,1,antes e depois,1,Antigos,1,Arábia Saudita,1,Argentina,1,ARIQUEMIS RO,1,Arujá,1,Arujá / SP,1,Assistir Cultos Online,1,Astorga - PR,1,Aula de violão grátis,1,AUXILIAR DE JOVEM,1,auxílio emergencial,4,Avulsos,13,Baixar 480 Hinos,1,Baixar CD Completo Ester Delgado,1,Baixar Hino 260,1,Baixar Hino 457,1,Baixar Hinos CCB,7,BAIXAR HINOS CCB NO CELULAR,2,Baixar hinos no Celular,2,BaixarHinos,30,Baixe hinos,1,Bako Bako,1,básico do violão,1,Bate Papo,1,Batismos,8,bebê seria sua filha,1,Belos Hinos CCB,4,Bolívia,1,Bolsa Família,1,Bombeiro faz parto de uma estranha,1,Bona Download,1,Brás,10,Brasfemia,1,Brasília DF,1,Busca de Dons,1,Cabreuva,10,Cachorros,1,caixa federal,1,Caixa libera 3ª parcela do auxílio,1,Camilópolis,1,Cantados,50,canticos ccb,1,Capa,4,Carapicuiba,2,Caridade,1,Carson Pickett,1,Casamentos,4,Cascavel,2,CCB,27,CCB na Fazenda Gapuava em Porto Feliz em SP,1,ccb na Globo,1,ccb na tv,1,CCB no Mundo,3,ccb site,31,CD Ccb Hinos,1,CD Completo,5,Celulares,1,Central de Curitiba,1,Central de Mossoró,1,Chrome,1,Cirlene Teixeira,1,Coletânea H5,1,Coletânea Hinário 5,1,Comédia,1,Comigo está Jesus,1,Congregação Cristã no Brasil,3,Congregação Cristã nos EUA,2,Conselhos Sobre Casamento,1,Conserva a paz,1,Cooperador,1,Cooperador em Quintana- SP,1,Coronavirus,80,Creio nas promessas do Senhor,1,Cristo,3,Cristo bate e quer entrar,1,Cristo meu Mestre,1,cristo meu mestre e meu senhor letra,1,Cristofobia,1,culto ccb online,31,culto ccb online hoje,31,Culto de Jovens e Menores,1,culto online bras,31,culto online ccb,1,culto online ccb ao vivo agora,31,Cultos Online,221,Curiosidades,9,daiane,1,DE DEUS TU ÉS ELEITA,1,Deborah Rosa,1,Desaparecidos,5,Destaques,836,Destruição,2,diácono ccb,1,Diácono em Osasco SP,1,Diadema,1,Domenico Crupi Figlio,1,Dubai,1,Eclipse do sol,1,Eclipse do sol domingo,1,Eclipse do sol em 2017,1,Egito,1,Egnaldo Novaes,2,Eliane Garcia,4,Eliezer Santos,1,Eliseu Gonçalves,1,Elizabete,1,Elizângela Félix,5,em Rio Branco,1,Emaiara Gomes,4,Emocionantes,64,enfermo,1,Ensaio,2,Ensaio Cabreúva,1,Ensaio CCB Cabreúva,5,Ensaio Local,2,Ensaio Regionais,25,Ensaio Regional Portão,1,Ensinamentos,1,Éramos mortos nas obras más,1,ermelindo,1,escândalos,1,Especial Daiane,3,Estados Unidos,1,ester alcantara,3,Ester CCB,5,Ester Delgado,9,EUA,3,Faz-nos ouvir Tua voz,1,Faz-nos ouvir Tua voz gloriosa,1,Fernando Lopez,3,Filmes Evangélicos,1,Fim dos tempos,3,Fique por dentro,1,Flauta,1,Flauta Pan,1,Flávio Alcântara,1,Flutuante,1,Foto no Céu,1,Fotos,34,Fotos Antigas CCB,5,Fotos de Igrejas,45,Franca SP,1,Fui Senhor por ti remido,1,Funeral,3,Gabriel Ferreira,1,Geovani,3,Gleison,1,Gloria Aleluia Sinto Jesus,1,Goiânia,1,Google,1,Gospel,1,Governo,1,Grandioso És Tu,1,Grupo CCB,1,Guerra do ‘fim do mundo’ começa: Pentágono confirma ataque do Irã,1,Guerras,1,Haifa,1,Hallelujah,1,Harpa Cristã,1,Hélio Arantes,1,Hermelindo Federzoni,1,Hinário 05,1,Hinário 5,47,Hinário 5 Cantado,3,HINO 02,1,hino 1 ccb letra,1,Hino 102 CCB,1,hino 138,1,Hino 174,1,Hino 177,1,hino 177 ccb,1,Hino 177 Eu necessito achegar-me,1,Hino 184,1,Hino 186,1,Hino 191,1,Hino 199,1,Hino 2 ccb letra,1,Hino 227 CCB,1,Hino 245,1,Hino 252,1,hino 3 ccb letra,1,Hino 305 CCB,1,Hino 326,1,Hino 33,2,Hino 34 CCB,1,Hino 382,1,Hino 4 CCB Com Letra Ouve a nossa oração Hinário 5 Cantado,1,Hino 4 CCB Hinário 5,1,Hino 4 letras,1,Hino 402,1,hino 41,1,Hino 411,2,Hino 412,1,Hino 415,1,Hino 457,2,Hino 461,1,Hino 480,1,Hino 49,1,Hino 58,1,Hino 61 CCB Letra,1,Hinos 26 a 50,1,Hinos cantado,13,Hinos cantados,69,hinos ccb,10,Hinos Celestes,1,hinos dayane ccb,1,Hinos de Jovens e Menores,1,Hinos do Novo Hinário,3,Hinos Instrumentais,22,Hinos na Igreja,4,hinos novos dayane,1,Histórico da CCB,2,Hortolândia,2,igreja de Jesus,1,Incentivo,1,instagram ccb,1,Instrumentais,20,Internado em Estado Grave,1,Irã,3,Irma Abenice,1,Irmão Zito,1,Isabelle Santiago,3,Israel,1,Itália,3,Japão,1,Jardim Santo Antônio,1,JARDIM TRANSILVANIA,1,Jd Miriam,1,jd transilvania,1,Jericó,1,Jerusalém,1,Jesus,2,Jesus é o nosso Guia,2,João Paulo,1,João Paulo CCB,1,Josi Nogueira,1,Jovem Soldado,1,Karolina Protsenko,1,kélcio,1,Kit de Samples para de Violão para kontakt,1,Kontakt,3,Larissa Manoela,1,Leonardo,1,Letícia Ferreira,1,Letra CCB,1,Letra de Hinos,13,Letra do Hino 1,1,Letra do Hino 2,1,Letra do Hino 2 - De Deus tu és eleita,1,Letra do Hino 221,1,Letra do Hino 240,1,Letra do Hino 295,1,Letra do Hino 3,1,Letra do hino 369,1,Letra do Hino 375,1,Letra do Hino 4 - Ouve a nossa Oração,1,Letra do Hino 61,1,Letra do Hino 78,1,Letra do Hino 93,1,Letra do Hino Hino 402,1,Letra hino 369,1,Liberdade,1,LIBERTAÇÃO DO CARCERE,1,Libia,1,LINK REUNIÃO DA MOCIDADE EM VÍDEO,1,Ludmila Ferber,1,LUZ DO MUNDO,1,Macumbeiro Linda Obra,1,Maior irmandade do Brasil,1,Marcão,11,Marco Antônio,3,Mariele Elorriaga,1,Marília,1,Marília SP,1,Marina Rodrigues,1,Mato Grosso,1,Meire,1,Meire e Tiele,1,Mensagem,1,Mensagem de alerta a todos CCB,2,Mensagens,1,metrô,1,meu Mestre,1,meu Mestre e meu Senhor,1,MG,1,Milagre,8,Minas Gerais,2,Miria Vera,1,Mitos e Verdades,1,Mocidade,6,mortes de 20 cristãos,1,Motif ES 8,1,Mundo,3,Mundo Animal,1,Na face um sorriso,1,Naiana Alves,1,Não me cansarei de cantar,1,Não pode entender o mundo,1,Naor,3,No Acre,1,Nós Te Louvamos por fé grande Deus,1,Nota de Falecimento,257,Noticias,50,Notícias,6,Notícias CCB,21,Notícias no Brasil,3,NOVO PROCEDIMENTO DE SE SERGIR A SANTA CEIA,1,Novos Ministérios,1,Ó Irmãos,1,O Menino Especial,1,O Mestre que desceu dos céus,1,Ó meu fiel e amado Jesus,1,O Senhor Recolheu Ancião da Central de Mirabela - MG e Cooperador de Campinas - SP,1,O Vendedor de Tempero,1,O Vitupério de Jesus,1,Odeir,3,Odeir Defacio,22,Odeir Defácio,2,Oh! Que fundamento,1,Orações,50,OREMOS PELA NOSSA IRMAZINHA,1,Organistas,2,Órgãos,1,Orlando,1,orquestra ccb,1,Osasco,1,Padre entrevistando ancião da CCB,1,Palavras Culto Online,1,Paraguai,1,Parelheiros,1,Paula Fernandes,1,Pendrive com Hinos,1,Penha,1,Pensamentos,1,Piacatu,1,Piano,3,Piracicaba,1,Playbacks CCB,1,Ponta Grossa PR,1,Porecatu PR,1,Portão Curitiba,1,Pregação,2,Presença de Deus,1,profanos,1,Provérbios,1,Punição,1,Quem foi que disse,1,Quer saber porque Sofres tanto,1,RDM,13,Recados de Deus,2,Reginaldo Cazelato,2,Relíquias CCB,2,Reunião da Mocidade,3,Reunião da Mocidade (Vídeo),1,Reunião de Jovens,1,Reunião Virtual da Música,1,Ribeirão Preto (SP),1,Rio Amazonas,1,Rio de Janeiro,2,Rio Grande do Norte,1,Rosana Soares,1,Roubo,2,Rute Dal Medico,1,samaritana,1,Samplers de Pianos Acústicos,1,Samples,1,Santa Ceia,4,Santa Ceias,1,Santa Izabel,1,Santo André,1,Santo Antônio da Platina,1,santo Criador,1,santo culto a deus,29,santo culto a deus ccb,1,São Caetano do Sul,1,São Gonçalo do Sapucaí,1,São Paulo,1,saude,1,Sax CCB,1,Sempre a Cristo fiéis,1,Senhor recolhe Diácono em Cruzeiro - SP,1,Senhor Recolheu,1,Senhor recordamos aqui,1,Sentes bater em seu coração,1,Sinto a voz divina do meu fiel Pastor,1,Siria,1,site oficial da ccb,28,Smule,1,Sou servo inútil,1,Stela,2,stella,2,Surpresas,1,Taranto,1,Tecnologia,2,Temporais,2,TESTEMUNHO CCB - IR. SÉRGIO DIÁCONO DE AMERICANA,1,Testemunho Irmãozinho queria parar na Graça,1,Testemunhos Audio,40,Testemunhos CCB,70,Testemunhos Escritos,8,Textos,1,Timbres para Teclado,1,Tocatas,22,todos os cultos ccb online,28,Tones para Teclado,1,Tornados,1,Tupā - SP,1,Tutoriais CCB,1,Uma palavra para este vídeo,1,Vanessa Nogueira,1,Vany Magalhães,1,Vem atender ao Seu chamado,1,VENDEDOR de ALFACE,1,Venho adorar-Te,1,Viagens,1,Victor,1,Vídeo mostra momento da queda do avião no Irã,1,Vídeos,1,Videos CCB,2,Vídeos da CCB,11,Violão,2,Violino,2,Virus,1,Visitas,2,Vitupério de Jesus,2,Vivi Mara,2,Vivian Novaes,1,VOLUME 07,1,Voz e Violão,1,Vozes Parecidas,3,Vrierlly Dias,1,WALDENY,1,Waltinho,1,Whatssap,2,YAMAHA,1,Zaquel,1,
ltr
item
Cânticos CCB: Japão teve mais mortes por suicídio em outubro do que por Covid-19 em todo o ano
Japão teve mais mortes por suicídio em outubro do que por Covid-19 em todo o ano
Japão teve mais mortes por suicídio em outubro do que por Covid-19 em todo o ano
https://1.bp.blogspot.com/-UI1clJTJON0/X8UUqLCX37I/AAAAAAAAgyU/unGOy1wW9dk80Vnxr053Ds8Lw65g1RgiACLcBGAsYHQ/s320/ScreenHunter%2B471.png
https://1.bp.blogspot.com/-UI1clJTJON0/X8UUqLCX37I/AAAAAAAAgyU/unGOy1wW9dk80Vnxr053Ds8Lw65g1RgiACLcBGAsYHQ/s72-c/ScreenHunter%2B471.png
Cânticos CCB
https://www.canticosccb.top/2020/11/japao-teve-mais-mortes-por-suicidio-em.html
https://www.canticosccb.top/
https://www.canticosccb.top/
https://www.canticosccb.top/2020/11/japao-teve-mais-mortes-por-suicidio-em.html
true
4983349665086936141
UTF-8
Carregar Todos Não foi encontrada nenhuma correspondência com o seu pedido VER MAIS VER MAIS Reply Cancelar resposta Deletar Por INÍCIO PAGINAS POSTAGENS VER MAIS VEJA MAIS DESTAQUES DO SITE VEJA MAIS ARQUIVOS PROCURAR VER TODOS Não foi encontrada nenhuma correspondência com o seu pedido VOLTAR PAGINA INICIAL Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy Table of Content